Distrito Federal – Professores do Ensino Religioso do Brasil discutem Diretrizes Curriculares de Formação Nacional em Seminário

GOVERNO FEDERAL

Distrito Federal – Professores do Ensino Religioso do Brasil discutem Diretrizes Curriculares de Formação Nacional em Seminário

Terminou na terça-feira, 4 (2008), no Campus I, da Universidade Católica de Brasília (UCB), o 10º Seminário Nacional de Formação de Professores para o Ensino Religioso, que tem como tema “Diretrizes Curriculares de Formação para Professores de Ensino Religioso: uma década”. Cerca de 200 pessoas ligadas à área de educação religiosa, de 23 estados brasileiros, participaram do evento, iniciado ontem, promovido pelo Fórum Nacional Permanente do Ensino Religioso (Fonaper), com o apoio e articulação da UCB e Católica Virtual, por meio do coordenador do curso de pós- graduação em Ensino Religioso desta instituição, o professor Vicente Paulo Alves. A abertura, ontem, contou com a presença de autoridades do governo do Distrito Federal, do Ministério da Educação, autoridades religiosas, entre outras. A assessora do Setor Ensino Religioso da Conferência Nacional dos Bispos do BRasil, professora Anísia de Paulo Figueiredo, representou a CNBB no Seminário e participou da mesa redonda que expôs aspectos sobre o tema central. Durante os dois dias, o Seminário foi dinamizado através de mesas redondas, painéis e grupos de trabalho com apresentação de experiências de formação de professores de todas as regiões do país. Todas as atividades foram conduzidas por uma comissão científica especializada em Educação, Educação Religiosa e Ensino Religioso. De acordo com a professora Anísia de Paulo, o Seminário é necessário para dar continuidade à reforma das Diretrizes Curriculares Nacionais para a formação de professores da educação básica do Brasil. “A formação dos professores necessita incluir as Diretrizes Curriculares de Formação Nacional, para professores de Ensino Religioso. Estas estão em estudo há dez anos sem conseguir a sua efetivação”, disse a assessora. “A partir deste seminário novas luzes e esperanças surgirão para que esta meta seja alcançada com a participação ampla de todos os educadores do Brasil”, completou Anísia. Para a irmã Paulina, Luzia Sena, o evento é importante porque possibilita a troca de experiências entre os professores de ensino religioso de todo o país, além do destaque dado às publicações especializadas na área que contribuem para a formação dos professores. “Além dos cursos falados neste evento, são importante,s também, para subsidiar o processo de formação dos professores, as publicações que têm dado suporte na formação e na fundamentação teórica e básica, como na parte teórica, pedagógica e prática no desempenho da sua missão em sala de aula”. Já o coordenador do Fórum Nacional Permanente do Ensino Religioso, o professor da Universidade do Vale do Rio dos Sinos (Unisinos) do Rio Grande do Sul, Remí Klein, afirmou que a temática das Diretrizes Curriculares é urgente para a formação dos professores de Ensino Religioso. “Essa discussão é urgente porque há dez anos começamos a falar nesse tema e ainda não temos diretrizes específicas voltadas para essa área do conhecimento. Há vários estados que já têm suas diretrizes, mas hoje queremos junto ao Conselho Nacional de Educação criar as diretrizes nacionais para a formação dos docentes”. Segundo a ex-coordenadora do Fonaper, a professora da Universidade Regional de Blumenau (FURB-SC), Lilian Blanck de Oliveira, a nova proposta de diretrizes será encaminhada para apreciação do Conselho Nacional de Educação. http://www.cnbb.org.br/ns/modules/news/article.php?storyid=506

CNBB em 04/11/2008 14:30:00

Publicado originariamente em 05 de novembro de 2008.

/ Brasil

Compartilhar esta Notícia

Comentários

Sem comentários até o momento.

Envie um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *