Governo Federal – Instalação do Comitê de Diversidade Religiosa

GOVERNO FEDERAL

Governo Federal – Instalação do Comitê de Diversidade Religiosa

A Secretaria de Direitos Humanos da Presidência da República (SDH/PR), por meio da Coordenação-Geral da Diversidade Religiosa, constituiu, no dia último dia 30 de novembro, o Comitê de Diversidade Religiosa, com o objetivo de estabelecer uma significativa cooperação da sociedade civil para a área da diversidade religiosa.
A instalação do Comitê ocorreu no auditório da SDH, em Brasília, e contou com a presença de representantes de instituições religiosas e de grupos de pesquisa que atuam com foco na temática da diversidade religiosa.
Na abertura do evento, Maria Augusta Assirati, Diretora de Diálogos Sociais do Departamento de Articulação Social, da Secretaria Geral da Presidência da República, afirmou que a instalação do Comitê é um espaço institucional importante para o diálogo com o tema da diversidade religiosa, para que se aprofunde o diálogo com as instituições religiosas e grupos não-religiosos. “É uma avanço muito importante que necessita ser muito valorizado por todos, a fim de ampliarmos o reconhecimento da nossa diversidade religiosa”, afirmou.
Para a Diretora, o primeiro passo é avançar no reconhecimento da diversidade religiosa, para, em seguida, disseminar uma cultura de valorização dessa diversidade, pois é inadmissível a violência que algumas pessoas sofrem ao serem negadas em sua identidade religiosa. “É uma agressão imensurável ver seu templo invadido e saqueado. Isso não é uma prática concebível em um Estado de Direito como o nosso. Assegurar a diversidade religiosa implica assegurar a isonomia de direitos para todas as religiões”, concluiu.
Já o Presidente da Fundação Cultural Palmares, Eloi Ferreira de Araújo, afirmou que nos últimos anos tem se observado o crescimento da intolerância, o que não tem acompanhado a evolução democrática do país. Por outro lado, destacou a acolhida e o movimento em prol do reconhecimento da diversidade religiosa brasileira, como se vê nas caminhadas da diversidade religiosa.
Para a Ministra da Secretaria dos Direitos Humanos, Maria do Rosário, a fundação do Comitê da Diversidade Religiosa integra uma das ações do PNH3, que estabelece a meta de trabalhar com a diversidade religiosa. Enalteceu que o desafio do momento consistem em considerar com igualdade e respeito todas as religiosidades que fazem do Brasil um país multireligioso e multiétnico. “Este Comitê não significa uma atuação do Estado sobre as religiosidades, mas está voltado ao diálogo para trabalharmos juntos na superação das intolerâncias religiosas. Precisamos enfrentar as intolerâncias dentro de nosso país. É preciso fomentar o permanente diálogo e convivência entre as crianças, nas escolas, para que possam conviver respeitosamente. Há uma necessidade de produzirmos juntos os caminhos, para que no diálogo, possamos reforçar culturas de respeito e dignidade dentro das próprias comunidades. O Brasil não pode ser somente uma grande economia, mas, sobretudo, uma nação exemplar no trato com as diferenças e no respeito à dignidade humana”.
Para Marga Stroher, Coordenadora Geral a Diversidade Religiosa/SDH, a criação do Comitê objetiva contribuir e subsidiar o diálogo e o respeito entre as religiões, a fim de que, ao reconhecerem-se na riqueza das diferenças, possam encontrar caminhos mútuos para superar a intolerância, promover a diversidade e os direitos humanos. “O respeito e a tolerância, como atitude ética, política e jurídica, não implica suportar ou ser condescendente com os demais seres humanos, mas implica aceitar e respeitar as diferenças e singularidades, rejeitar as injustiças sociais e a discriminação de pessoas e grupos e reconhecer que toda pessoa tem a livre escolha das próprias convicções e liberdade de seguir uma religião ou não ter crença alguma”.

Para maiores informações, acesse o link http://www.youtube.com/watch?v=nxoc2pB1eaE&feature=youtube_gdata

 

Publicado originariamente no dia 07 de dezembro de 2011.

/ Brasil

Compartilhar esta Notícia

Comentários

Sem comentários até o momento.

Envie um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *