Mato Grosso – Ensino Religioso será valorizado em 2005

MATO-GROSSO

Mato Grosso – Ensino Religioso será valorizado em 2005

Na oportunidade, a presidente do Coner, Albina Pedó (irmã Anete), reafirmou que a disciplina Ensino Religioso é amparada pela Constituição Federal, pela Constituição Estadual, e pela Lei de Diretrizes de Bases da Educação (LDB). “Mato Grosso é um dos poucos Estados que conseguiu esse importante avanço de garantir em lei a educação religiosa”, destaca.

Irmã Anete, que também é autora do livro “Trajetória de uma luta em prol da Educação com amor pela paz”, explica que o Ensino Religioso foi reconhecido como área de conhecimento pela Câmara de Educação Básica do Conselho Nacional de Educação. De acordo com ela, as pessoas confundem ensino religioso com o ensino da religião e a escola deixa de cumprir a lei, ofertando a disciplina fora do horário normal de aula e às vezes nem oferecem.

“Queremos frisar que o Coner é constituído por membros de diversas igrejas e o que queremos não é o ensino da religião, mas o ensino religioso, respeitando as diversidades religiosas. Nossa meta é a construção de uma sociedade mais justa e calcada em valores sociais, para que os jovens sejam mais conscientes, e se transformem em pessoas de caráter”, frisa.

MONITORAMENTO – Ana Carla revelou que no próximo ano a Secretaria irá monitorar todas as escolas da rede estadual, para que o Ensino Religioso seja de fato ensinado. Conforme ela, o tema será reafirmado em todos os cursos e capacitações oferecidas pela instituição para os servidores da educação. A secretária ainda garantiu que a partir do ano que vem poderá realizar parcerias com o Coner para capacitar especificamente professores de ensino religioso.

O Arcebispo Dom Bonifácio Piccinini; e o pastor Luterano Horst Siegfried Musskope, também participaram do encontro.

Fonte: Aluízio de Azevedo – Assessoria / SEDUC- MT

Publicado originariamente em 12 de novembro de 2004.

/ Brasil

Compartilhar esta Notícia

Comentários

Sem comentários até o momento.

Envie um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Enter Captcha Here : *

Reload Image